DÚVIDAS FREQUENTES

O Preço da Hora consiste em um sistema de consulta de preços de todos os produtos comercializados no estado da Bahia. Utilizando informações obtidas diretamente das Notas Fiscais de Consumidor Eletrônicas (NFC-e) e os dados de localização do usuário, o Preço da Hora retorna uma lista dos estabelecimentos mais próximos, ordenados pelo menor preço e data de atualização. Desta forma, é possível saber em tempo real quais estabelecimentos praticam os menores preços para os produtos pesquisados.

É possível utilizar o Preço da Hora tanto pelo computador quanto pelo celular.

O usuário deve acessar o Google Play (para dispositivos Android) ou a App Store (para dispositivos iOS) e buscar pelo aplicativo Preço da Hora. Em seguida, basta fazer o download e aguardar a instalação no seu dispositivo.

Para realizar uma consulta, basta informar o nome, a marca ou o código GTIN (Número Global do Item Comercial) do produto.

Os dados são extraídos diretamente das Notas Fiscais de Consumidor Eletrônicas (NFC-e), e das Notas Fiscais Eletrônicas (NF-e) emitidas por estabelecimentos comerciais do estado da Bahia. A NFC-e e a NF-e são documentos eletrônicos emitidos sempre que uma venda é realizada. Desta forma, é possível ter acesso às informações instantâneas dos preços praticados em todo o estado.
Sempre que você solicita a emissão da Nota Fiscal (NF-e ou NFC-e) a base de dados é alimentada. Peça sempre a nota e colabore com o Preço da Hora Bahia.

Verifique se o nome do produto, a marca ou o código de barras estão digitados corretamente. Em alguns casos, é possível que um produto específico não tenha sido comercializado durante um determinado período e, portanto, não haverá registro nas NFC-e. Caso isso aconteça, utilize os filtros de pesquisa para aumentar o número de dias e/ou o raio de abrangência em que a busca é realizada.

A sugestão de produtos ao consumidor é baseada na frequência em que itens semelhantes são comercializados no estado da Bahia.

No Estado da Bahia, a NFC-e está prevista no artigo 107-B do RICMS/BA e foi totalmente implementada nos estabelecimentos varejistas em janeiro de 2019. Portanto, todos os estabelecimentos ativos e que emitiram notas de produtos são utilizados para alimentar os dados do sistema Preço da Hora. São mais de 180 mil estabelecimentos cadastrados no estado da Bahia.

Os dados utilizados pelo Preço da Hora são atualizados a cada 5 minutos. Este tempo refere-se a leitura, processamento e disponibilização dos dados no sistema. A informação do preço fica disponível com aproximadamente 1 hora de defasagem.

Sim. O Preço da Hora utiliza informações extraídas diretamente das NFC-e e NF-e, documentos eletrônicos oficiais de registro das operações de venda ao consumidor final em todo o estado. Tais documentos são armazenados pela Secretaria da Fazenda da Bahia (SEFAZ-BA).

Não. Cada empresa tem sua política de preços e está sujeita a variações ao longo do dia.
Preço da Hora toma como referência as informações de preços baseadas em vendas passadas e não garante que este será o preço vigente nos estabelecimentos em vendas futuras.

Todos os municípios do Estado da Bahia têm contribuintes emissores de NF-e ou NFC-e.

Sim, mas apenas os preços do comércio da Bahia estão disponíveis. Tanto estando na Bahia quanto fora do estado é possível configurar o município desejado para a busca, da seguinte forma: acesse o Menu Principal/Configurações/Localização, desative a opção “Usar local atual” e selecione o município baiano desejado. As buscas serão feitas tomando o centro deste município como referência. A mesma configuração pode ser feita também no site web.

Por padrão, as consultas são realizadas nos estabelecimentos dentro de um raio de 10 km, a partir da localização do usuário. É possível expandir a área de consulta para um raio máximo de 30 km.

Caso o Preço da Hora Bahia não encontre os dados de localização do usuário, o sistema define como localização padrão o centro da capital, Salvador. Neste caso, apenas os estabelecimentos comerciais localizados dentro de um raio de 10km em relação a este ponto serão utilizados na pesquisa de preços.

Não. Nenhum dado de histórico de buscas ou de localização do usuário é compartilhado pelo Preço da Hora Bahia. Os dados de localização são utilizados apenas como parâmetro de busca dos estabelecimentos mais próximos, baseado no raio de abrangência escolhido.

Por definição, os preços dos produtos são apresentados com defasagem de até 3 (três) dias, a partir da data da pesquisa. No entanto, é possível reduzir este prazo para até 12 horas.

Ao cadastrar os itens na lista de compra do usuário, o sistema Preço da Hora busca qual estabelecimento fornece o menor preço em relação a todos os itens da lista.